quinta-feira, julho 22, 2004

E o telefone não tocou...

Passei o dia de ontem num frenesim... Fontes fidignas informaram-me que estava entre os elegíveis para uma Secretaria de Estado. Quando perguntei qual era, disseram-me que o Primeiro Ministro e o Ministro de Estado, da Defesa e dos Assuntos do Mar se iriam reunir pelas 16 horas no Casino Estoril para decidirem na roleta quem ficava com o quê.

Quem estragou isto tudo foi a Teresinha Caeiro... Eu é que estava indigitado para a pasta das Artes e dos Espectáculos. 

O meu vizinho do 3º esquerdo, que é segurança num Centro Comercial, estava com legítimas esperanças de ser indicado para a Secretaria de Estado da Administração Interna.  E o da Cave Direita, que trabalha na Câmara a recolher o lixo, foi abordado por elementos próximos do Largo do Caldas como possível Secretário de Estado do Ambiente.

Foi a desilusão total quando demos conta que, afinal, o telefone não tinha tocado e que ninguém nos convidara para a cerimónia do Palácio da Ajuda. Mas, tenhamos fé! Ainda restam as Direcções Gerais...

Me liga vai!

1 comentário:

Melpómene disse...

http://holocaustum.blogs.sapo.pt/
Metaforicamente falando, claro está.